Início / Destaques / Casa de acolhimento já é realidade para Timbó, Rio dos Cedros, Doutor Pedrinho e Benedito Novo

Casa de acolhimento já é realidade para Timbó, Rio dos Cedros, Doutor Pedrinho e Benedito Novo

Na última quarta-feira, dia 13, foi realizada a inauguração da Casa de Acolhimento na cidade de Rio dos Cedros. O evento contou com a presença de autoridades, funcionários e a comunidade. O diretor executivo do Consórcio CIMVI Fernando Tomaselli deixou sua mensagem, assim como o Presidente da Beneficiência Cristã – REDEH, o promotor da Vara da Infância e Juventude da Comarca de Timbó Dr. Eder Cristiano Viana e o Juiz de Direito e Diretor do Foro da Comarca de Timbó Dr. Rui Fernando Falk. Estiveram presentes o Prefeito de Rio dos Cedros Marildo Domingos Felippe, Prefeito de Benedito Novo Jean Michel Grundmann, a Prefeita de Doutor Pedrinho Simoni Marcia Mesch Nones e o Prefeito de Timbó Jorge Kruger.

Jorge falou sobre a importância deste trabalho para as situações familiares e da responsabilidade dos gestores em buscar sempre qualidade de vida para os cidadãos. A casa tem o objetivo de acolher e garantir proteção integral à criança e adolescente em situação de risco pessoal e social e de abandono. O projeto ocorreu mediante assinatura de um acordo entre os municípios de Rio dos Cedros, Benedito Novo, Timbó e Doutor Pedrinho, que assumiram perante o Ministério Público de Santa Catarina o compromisso de concretizar o projeto até o dia 31 deste mês, com local e sede com mobília, infraestrutura adequada e espaço mínimo definido pela legislação e orientação técnica vigente, CONANDA e do Sistema Único de Assistência Social – SUAS para acolher crianças e adolescentes residentes no município de Timbó, Rio dos Cedros, Benedito Novo e Doutor Pedrinho, que receberem medidas de proteção de acolhimento.

A estrutura possui mais de 600m quadrados, com um terreno de mais de 2000 metros quadrados. Situa-se a rua Jorge Lacerda 757 Centro – Rio dos Cedros. Funcionará 365 dias por ano, com equipe técnica para atender um número de até 20 crianças e ou adolescentes. A equipe comporta coordenador, psicólogo, assistente social, educador social, auxiliar de educação, cozinheira e auxiliar de serviços gerais.

O Serviço será prestado por uma instituição “REDEH Beneficiência Cristã” e os municípios através de consórcio, farão o pagamento mensal das vagas ocupadas, que foram redistribuídas conforme números de habitantes por cidade.

Assessora: Karina Beatrice Frainer 

Fotos: Divulgação 

Sobre timbonet


ir ao topo