Início / Notícias / Política / Movimento SC pela Educação conhece projeto que cria loteria para professores

Movimento SC pela Educação conhece projeto que cria loteria para professores

O deputado federal Jorginho Mello (PR) apresentou, na manhã desta segunda-feira (20), ao presidente da Fiesc, Glauco Corte, o projeto de lei que autoriza os Estados e o Distrito Federal a criarem a Loteria Estadual para a Valorização da Educação (LEVE), que vai destinar bônus aos professores, comprar bolsas de estudos para alunos e equipar as escolas públicas. O texto está em tramitação na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados.

A Fiesc patrocina o Movimento Santa Catarina pela Educação, que trabalha em favor da elevação da escolaridade dos trabalhadores e da qualidade do ensino oferecido no Estado, e está em sintonia com o projeto do deputado federal Jorginho Mello. “Todas as ações de parceria para melhorarmos a educação brasileira é válida”, ressaltou o parlamentar.

A Loteria Estadual de Valorização da Educação (LEVE) vai destinar, no mínimo, 50% da arrecadação de cada sorteio para ajudar na melhora da qualidade de ensino. O restante vai ser destinado para o vencedor do prêmio e os custos operacionais de cada sorteio. Do montante para a premiação, 70% dos recursos são para dar bônus aos professores das 150 melhores escolas da rede pública de ensino, sendo 50 dos anos iniciais do ensino fundamental, 50 dos anos finais e mais 50 do ensino médio.

Para a compra de bolsas universitárias, será destinado 20% da receita líquida para os alunos que estudaram no 3º ano do Ensino Médio em escola pública e obtiveram as melhores notas no ENEM, variando a quantidade de beneficiados de acordo com a arrecadação dos concursos. Os outros 10% serão utilizados para a compra de equipamentos para as melhores escolas.


Rafael Wiethorn

Sobre timbonet


ir ao topo