Apesar da derrota, APAN/Eleva/Blumenau faz jogo equilibrado com o vice-campeão mundial

Apesar da derrota, APAN/Eleva/Blumenau faz jogo equilibrado com o vice-campeão mundial

5 de fevereiro de 2021 Off Por Redação

 

 

Os mineiros chegaram a estar em desvantagem no placar em vários momentos

Blumenau (SC) – APAN/Eleva/Blumenau e Sada Cruzeiro protagonizaram na noite de ontem (quinta-feira), dia 04 de fevereiro, um dos melhores e mais equilibrados confrontos da Superliga Banco do Brasil 2020-21, válido pela sexta rodada do returno. O duelo realizado nas dependências do Galegão, em Blumenau, terminou em 1h21minutos, com vitória dos mineiros por 3 sets a 0, com parciais de 25/19, 25/22 e 25/20. Mas o placar adverso para o time blumenauense não retrata a realidade do que realmente ocorreu na disputa.

Ao final de jogo, o técnico André Donegá destacou o sistema de ataque, com uma virada de bola acima de 50% e a eficiência o saque. “O Sada Cruzeiro veio disposto a se recuperar do confronto contra Itapetininga, onde venceu apenas no tie break. Por isso imprimiu um ritmo bem acima do que vinha apresentando nos últimos jogos”, relembrou.

Outro fundamento que funcionou bem foi o bloqueio, fechando a porta para o Sada em sete oportunidades. Destaque novamente para o central Ialisson. Somente ele fez quatro pontos no bloqueio. O maior pontuador de Blumenau foi o oposto Franco. Foram 12 êxitos, sendo 11 em bolas de ataque e um no bloqueio.

Apesar da derrota, o time blumenauense se manteve na sexta colocação com 22 pontos ganhos e sete vitórias em 17 confrontos. Folga no final de semana. Se o América e o Itapetininga tropeçarem no complemento da rodada, nesta sexta e sábado, permanece na posição.

O próximo compromisso da APAN/Eleva/Blumenau será na próxima quinta-feira, dia 11, contra o Caramuru (PR), novamente do Galegão, pela sétima rodada.

Resumo dos sets

No primeiro set, a partida ficou equilibrada 12 a 12. No segundo, as duas equipes seguiam empatando até metade do set, quando Blumenau conseguiu abrir dois pontos de vantagem: 17 a 15. Voltou a estar na frente na parte final, com 21 a 20, mas permitiu a virada dos mineiros. Foi o set mais longo, com quase 29 minutos de duração. A APAN/Eleva/Blumenau voltou a jogar bem no início do último set, chegando a estar vencendo por 9 a 8.

Acompanhe nossas Redes Sociais
FANPAGE: https://www.facebook.com/APANVolei/
INSTAGRAM: @ApanBlumenau

 

Texto: Giovani Vitória
Foto: Raphael Guilherme Moser
Assessoria de Imprensa da APAN | Informe Comunicação