banner
Notícias

Bicicross – Contusão tira biker timboense no Mundial na Nova Zelendia

Fellipi Gonçalves foi derrubado por adversário australiano e acabou ficando de fora da bateria final

Timbó – Não foi desta vez que o biker timboense Felippi Gonçalves(FME Jaraguá do Sul/Nossa Forma Suplementos/ Mario Correa/ Ivo Gesner) conquistou o seu maior objetivo no bicicross, ou seja, atingir o posto mais alto do pódio de um Campeonato Mundial de BMX.  Felippi esteve na cidade de Auckland, na Nova Zelandia, onde disputou de 26 a 28 passados, o Mundial BMX 2013, na categoria Junior Man. A competição foi disputada dentro de uma Arena coberta, com espaço reduzido e pouca segurança,  o que gerou muitos protestos , em especial, da União Ciclística Internacional(UCI).

 Segundo Fellipi haviam paredões muito curtos,  o que deixava a pista perigosa, insegura e propícia para acidentes- “ inúmeros atletas das categorias Junior Man e Elite Man, que são profissionais, acabaram caindo e ficaram de fora da final por causa da pista”, frisou o biker timboense.

Pista prejudicou a performance dos atletas no Mundial

Nos dois primeiros dias da competição, Fellipi vinha bem, com bons tempos nas baterias classificatórias( 25.245s da pista, 45º), porém, na principal competição, no domingo(28), acabou sendo derrubado por um adversário australiano na primeira bateria classificatória,  o que resultou na fratura do osso do pulso(rádio), e conseqüente abandono do certame-  “Fiquei imensamente  triste, pois nos treinos estava largando na frente dos meus adversários, e estava confiante que conseguiria chegar na Final, que reuniu os oito melhores pilotos do mundo”, revelou Fellipi. Agora a meta do atleta  é recuperar-se o mais rápido possível para poder reiniciar os treinamentos e, já de olho no Mundial da próxima temporada, que acontecerá na Holanda.

Felippi
Topo