banner
Política

Candidatos de Gaspar e Ilhota assinam compromisso para implantação de Controle Interno

mpsc_logoA assinatura de um termo de compromisso entre MPSC e candidatos a prefeitos é uma das ações sugeridas no Programa Unindo Forças, que tem como objetivo fortalecer as UCIs e impulsionar a atuação administrativa na prevenção e repressão ao ilícito.

O Centro de Apoio Operacional da Moralidade Administrativa (CMA), do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), encaminhou aos Promotores de Justiça uma proposta de ofício para ser enviado aos candidatos à prefeitura dos municípios catarinenses para que seja incluído em seus programas de governo o fortalecimento das unidades municipais de controle interno. Esta iniciativa é uma das ações do programa Unindo Forças.

A intenção é destacar a temática do fortalecimento das controladorias municipais, de modo a conscientizar o cidadão eleitor a respeito da relevância destes órgãos fundamentais de combate à corrupção.

Na comarca de Gaspar, os resultados desse ofício já estão acontecendo. Na tarde de sexta-feira (16/9), a Titular da 2ª Promotoria de Justiça de Gaspar, Promotora de Justiça Chimelly Louise de Resenes Marcon, tomou formalmente o compromisso de 4 (quatro) dos 6 (seis) candidatos à Prefeitura dos Municípios de Gaspar e Ilhota de, uma vez eleitos, aderirem aos objetivos do Programa Unindo Forças e de implementarem ações concretas para adequação e fortalecimento das respectivas controladorias municipais.

“Considerando a proximidade das eleições e o início de uma nova gestão no âmbito local, entendemos fundamental iniciar o diálogo com os futuros gestores, de modo a informá-los sobre as diretrizes do Programa Unindo Forças e de difundir a necessidade de aperfeiçoamento da instância administrativa de controle, compreendida não só como mecanismo de prevenção e repressão de ilícitos, mas sobretudo como instrumento de eficiência dos gastos públicos”, comentou a Promotora de Justiça Chimelly Louise de Resenes Marcon.

Para o coordenador do CMA, Samuel Dal-Farra Naspolini esse ato representa um marco na implementação do Programa. “Apostamos na conscientização dos candidatos, durante o processo eleitoral, para reforçar as ações do Unindo Forças. Recebemos o apoio decisivo da Dra. Chimelly, que abraçou os objetivos do programa e, por sua iniciativa, mobilizou os candidatos dos Municípios de sua Comarca nesse sentido. Agora, os próximos Prefeitos já assumirão com o compromisso público, de forte conteúdo político, de aprimorar suas estruturas internas de controle”, comenta o Promotor de Justiça.

 

Coordenadoria de Comunicação Social do MPSC

Topo
1
Olá,
Qualquer duvida entre em contato pelo nosso WhatsApp do Portal Timbó Net.
Powered by