Construtora Trisis reduz custos no pós-obra com solução da FastBuilt

Construtora Trisis reduz custos no pós-obra com solução da FastBuilt

21 de junho de 2021 Off Por Redação

 

 

Empresa do interior de São Paulo é especializada em condomínios de casa e buscou ferramenta de tecnologia para melhorar o relacionamento com os clientes, especialmente durante a pandemia, quando a procura por esse tipo de imóvel aumentou

 

 

A entrega de um imóvel não é o fim do relacionamento de uma construtora com seu cliente. Pelo contrário: no pós-obra, o relacionamento se intensifica, com o cumprimento de assistências técnicas, atendimento a dúvidas sobre estrutura e alterações no projeto. Para a construtora Trisis, esse processo está muito melhor agora. A empresa, que atua na região de Jundiaí (SP) e é especializada em condomínios de casas, acaba de adotar a plataforma da FastBuilt, que integra em um único aplicativo dados personalizados de cada imóvel, incluindo imagens e descrição detalhada de tubulações, fiações e outras características.

“Antes era comum que, após a entrega das chaves, o proprietário solicitasse assistência para coisas simples que nem sempre configuram este serviço. Era, por exemplo, a troca de um revestimento, furado por falta de visibilidade da estrutura interna da parede. Além de onerar nos custos, nos tomava muito tempo de atendimento e não havia uma centralização das solicitações”, explica a engenheira e sócia-fundadora da Trisis, Júlia Marino.

Agora, mesmo com o aumento da procura pelos imóveis da construtora – especialmente em decorrência da pandemia, quando muitas famílias deixam os grandes centros e buscam imóveis mais espaçosos – a rotina do pós-obra está mais organizada. “Antes de nos contatar, o cliente acessa o app e verifica as informações de tubulações, fiação elétrica e outros detalhes. Pode consultar, inclusive, imagens do interior das paredes, que fizemos ao longo da construção. Isso facilita a instalação de móveis planejados e aplicação de revestimentos, por exemplo. Na última entrega de imóveis que fizemos não tivemos nenhuma solicitação de assistência”, salienta a engenheira.

A segurança jurídica é outro fator apontado pela executiva como diferencial no uso de tecnologia no pós-obra. “Temos um registro completo de todas as normas referentes à assistência técnica, e informações relacionadas ao empreendimento. Tudo está disponível para o cliente de forma fácil, e assim garantimos uma entrega muito mais assertiva”, finaliza.

Jean Ferrari, CEO da FastBuilt, reforça que uma das novidades que a construtech acaba de lançar é a assistente virtual Nia, que visa dar ainda mais autonomia ao consumidor. “Como a Trisis pontuou, o app facilita o gerenciamento de solicitações de assistência, bem como reduz incidentes porque proporciona informações claras sobre o imóvel. Com a Nia o cliente poderá consultar ainda boas práticas de manutenção, dados construtivos e diversos outros fatores sem precisar solicitar atendimento”, diz.

Sobre a FastBuilt

Com uma plataforma para trazer agilidade, rapidez, eficiência e transparência para o relacionamento das construtoras e incorporadoras com seus clientes, a FastBuilt foi fundada em 2018. A solução permite a gestão de manuais dos proprietários, facilitando o acesso do cliente às informações sobre o seu imóvel. Além disso, o consumidor pode acessar fotos, projetos, fornecedores, garantias, e solicitar assistência técnica do seu imóvel de qualquer dispositivo móvel, tendo em mãos uma ferramenta única para o atendimento rápido e eficiente.


Bruna Carolina de Souza