Empregos na crise: fintech PagueVeloz segue contratando

Empregos na crise: fintech PagueVeloz segue contratando

17 de abril de 2020 Off Por Redação

Após criar comitê e estruturar trabalho remoto para continuidade da operação, PagueVeloz optou por seguir com contratações previstas. Só no último mês, a equipe ganhou 18 novos membros

 

Enquanto o índice de desemprego sobe em muitos setores por conta da necessidade de interrupção de serviços durante a pandemia de coronavírus, algumas empresas seguem contratando. É o caso da fintech PagueVeloz, que desenvolve soluções de gestão financeira para verticais de negócios. A empresa, com matriz em Blumenau (SC) e unidade em São Paulo (SP), decidiu manter as contratações programadas mesmo durante o período de isolamento social.

No último mês, 18 novos profissionais passaram a integrar a equipe. Os novos integrantes receberam os equipamentos de trabalho, uniforme e kit de boas-vindas para atuarem em home office e desde então contam com o apoio da gestão para se adaptarem à rotina.

Entre as medidas para manter os negócios, a empresa também criou um comitê de gestão na crise, que realiza uma série de ações e revê com frequência o planejamento para manter a situação positiva dos negócios durante a crise. “Acreditamos que este momento é também de estruturar o negócio para seguirmos crescendo. Nossa solução é utilizada por pequenas empresas, especialmente as do ramo automotivo e de serviços, que precisam de uma solução prática para controlar suas finanças, realizando rapidamente cobranças, emissão de boletos, parcelamento e até mesmo solicitação de crédito. Então entendemos que a PagueVeloz é uma aliada para facilitar os negócios na adaptação do mercado, quando o delivery se torna tão necessário”, avalia Paulo Gomes, CEO da empresa.

Além do acesso via desktop, a conta digital da PagueVeloz pode ser acessada via app. A empresa, que está no mercado desde 2013 foi a primeira marca brasileira a lançar serviços de transferência via comando de voz.

Lançamento durante a quarentena

Além de manter as contratações, a PagueVeloz também ampliou o uso da solução LinkVeloz, que permite a realização de pagamentos via link. Com ele, o empreendedor pode realizar a cobrança de determinado produto ou serviço sem contato direto com o cliente. Através da plataforma, ele cadastra as informações de cobrança e envia via e-mail ou whatsapp o link para seu cliente efetuar o pagamento – inclusive parcelado. “É uma forma segura em todos os sentidos. Um despachante pode atualizar a documentação do carro do cliente e até mesmo parcelar o serviço sem atendimento presencial. E o cliente final paga através do link, sem que o cobrador tenha acesso a dados sensíveis, como número do cartão de crédito. Tudo isso de forma segura e prática, evitando a suspensão dos serviços”, explica Paulo. Só no último mês, o uso do LinkVeloz cresceu 130%.

Atualmente a PagueVeloz conta com cerca de 80 profissionais e segue com vagas em aberto tanto para as áreas de tecnologia quanto para o setor comercial. Para cadastrar o currículo para uma das oportunidades, basta acessar o site www.pagueveloz.com.br e clicar na aba “Entrar pro Time”.

 

Sobre a PagueVeloz

Fundada em 2013, a PagueVeloz é uma fintech especializada em soluções de intermediação de pagamentos para diversas verticais de negócio. Através da conta online da startup, pessoas físicas e jurídicas podem realizar emissão e recebimento de boletos e pagamentos via cartão de crédito, transferências e pagamentos de contas, além de gestão financeira. Um dos diferenciais da startup é a liberação de valores recebidos por seus usuários em até 24 horas.

Paulo Gomes – CEO2

Sabrina Hoffmann
Assessoria de Imprensa | Produção de Conteúdo