banner
Prefeitura Municipal de Indaial

Indaial inicia Projeto Crescer e Semear com oficinas

Inserir alimentos mais saudáveis e nutritivos à merenda escolar. Essa é a proposta do Projeto Crescer e Semear, idealizado pela empresária e consultora especializada em gastronomia saudável, Lidiane Barbosa. No início do ano, a Prefeitura de Indaial, por meio da Secretaria de Educação, fechou a parceria para implantação do programa, e agora, no mês de junho, as atividades práticas iniciaram.

A primeira etapa do projeto consiste na aplicação de sete oficinas com agentes educacionais das Escolas Municipais e Unidades de Educação Infantil, ministradas pela Lidi e sua equipe. Nos encontros será demonstrado como preparar alimentos mais saudáveis e como planejar o cardápio escolar dentro das possibilidades do que já é oferecido aos alunos na merenda.

A primeira oficina aconteceu na última sexta, 14 de junho, com a presença, além das merendeiras, dos diretores das instituições de ensino da rede municipal. Os encontros serão mensais, finalizando em dezembro.

Na segunda etapa, a equipe de Lidiane Barbosa irá trabalhar com os estudantes para mostrar sobre o preparo dos alimentos e a importância de uma alimentação saudável. Participam dessa fase, que deve acontecer ainda em 2019, cerca de 600 alunos da rede, entre Educação Infantil e Ensino Fundamental, mapeados pela Secretaria.

A terceira etapa contemplará um trabalho de conscientização da família, com base no Elo: Escola, Alunos e Família. O objetivo é que os ensinamentos do projeto tenham continuidade, não limitando-se apenas à escola.

Para 2020, a Secretaria tem como proposta o planejamento de outros insumos na merenda escolar para que aos poucos possam ser substituídos os ingredientes.

“Com o projeto queremos despertar nas crianças a vontade de comer de forma saudável e explorar o incrível mundo dos alimentos. Com receitas simples e saborosas, as crianças manipulam os alimentos, aprendem as características de frutas, verduras, legumes, farinhas e outros ingredientes usados nas receitas e provam as delícias feitas por elas. Para alimentar com qualidade também é preciso criar um elo entre escola e casa. Por isso, o projeto também se propõe a ministrar palestras/oficinas com as merendeiras e pais de alunos para provar que alimentação saudável pode ser simples, acessível e deliciosa”, explica Lidiane Barbosa.

O secretário de Educação, Jairo Gebien, explica que o projeto não gera despesas para o Município. São parceiros na implantação do programa em Indaial as empresas Uniasselvi e Ipel – Indaial Papel e Embalagens. As oficinas práticas acontecem na cozinha gastronômica da Uniasselvi. Já a Ipel fez a doação de dois dispensers (um para álcool e um para papel toalha) a todas as cozinhas das Unidades de Educação Infantil e Escolas de Ensino Fundamental da rede pública municipal de ensino.

Para Jairo, “pensar na reeducação alimentar nas escolas e unidades é o primeiro passo para um novo conceito de alimentação saudável, tão importante de ser discutido nos dias atuais”.


Graciely Guesser Ramos
Jornalista
Departamento de Comunicação
Prefeitura Municipal de Indaial

Topo
Open chat
1
Olá,
Qualquer duvida entre em contato pelo nosso WhatsApp do Portal Timbó Net.
Powered by