Pizza com massa de longa fermentação está ganhando cada vez mais espaço no paladar do brasileiro

Pizza com massa de longa fermentação está ganhando cada vez mais espaço no paladar do brasileiro

26 de fevereiro de 2021 Off Por Redação

 

 

Com sabor e aroma inconfundíveis, a pizza com massa de longa fermentação é uma opção mais leve, saudável e muito saborosa, que se tornou muito popular nos últimos anos.

 

Uma tendência gastronômica está ganhando cada vez mais espaço no gosto e paladar do brasileiro: é a pizza com massa de longa fermentação. Em Brusque e Blumenau, Santa Catarina, a Aromata Pizzaria é uma das pizzarias que já aposta nesse processo artesanal, com pizzas no estilo italiano, em que a massa é de longa fermentação e produzida com ingredientes selecionados.

Além do sabor e aroma inconfundíveis, a pizza com massa de longa fermentação é uma opção mais leve e saudável, quesitos que, segundo um dos proprietários da Aromata Pizzaria, Rubens Rovedo Scoz, grande parte das pessoas vem buscando de uns tempos pra cá. “A massa de nossas pizzas é desenvolvida com farinha de trigo especial e água mineral, com sabores planejados exclusivamente por um chef italiano e ingredientes frescos”, diz.

Scoz destaca que a massa é elaborada a partir de farinha específica para longa fermentação, misturada durante um tempo e temperatura ideais, utilizando somente água mineral no processo. “Depois disso, seguimos para a fermentação com temperatura controlada por no mínimo 48h. Em seguida, a massa fica em temperatura ambiente, e só então é preparada a pizza. Assim, obtemos uma massa de pizza com excelente digestibilidade, evitando aquela sensação de mal estar, desconfortos abdominais, ou inchaço, comuns quando a massa fermenta no estômago”, aponta.

Benefícios da massa de longa fermentação

Além do sabor e aroma, as pizzas de longa fermentação possuem uma massa mais elástica e sabor ácido acentuado, quando comparadas às massas produzidas em escala industrial. Além disso, contam com vários benefícios nutricionais, conforme destaca a nutricionista Alessandra Guerra.

– São massas com poucos ingredientes, sem adição de aditivos químicos, o que torna esse alimento muito mais nutritivo;

– No processo de fermentação, a presença de fermentos lácticos e probióticos, faz uma pré-digestão de carboidratos, como amidos e açúcares, melhorando a digestão do alimento, além de reduzir a produção de gases, auxiliando na diminuição de inchaço abdominal e desconfortos gástricos, que são causados normalmente pelas massas tradicionais;

– As pizzas de longa fermentação têm um índice glicêmico menor e promovem saciedade prolongada;

– A acidificação láctica aumenta os níveis de alguns compostos bioativos e aumentam a biodisponibilidade de minerais como o magnésio e fósforo, tornando esse alimento mais rico em micronutrientes quando comparado às massas de fermentação tradicional.

“Portanto, podemos afirmar que as pizzas de longa fermentação são mais saudáveis, inclusive. Entretanto, estamos falando das massas, e é importante cuidarmos com o que iremos adicionar na hora de preparar a pizza, como queijos, molhos e outros adicionais. O saudável também está na quantidade que você irá consumir”, observa a nutricionista.

Sobre a Aromata Pizzaria

A Aromata Pizzaria é um restaurante contemporâneo de culinária italiana, que oferece uma experiência única que se confunde aos ares e sabores da Itália. Os petiscos, pizzas e massas podem ser acompanhados por um perfeito drink ou vinho à escolha do cliente, tudo para promover um momento único e relembrar os sabores servidos nas ruas de vilarejos aconchegantes da Itália. A Aromata é uma pizzaria apaixonada pela gastronomia italiana em Brusque (R. Moritz Germano Hoffmann, 130 – Centro 1) e em Blumenau (R. Otto Hennings, 133 – Itoupava Seca, no antigo Nibbles).


Bruna G. Ziekuhr – Presse