PMSC completa 185 anos nesta terça e lança vídeo comemorativo

PMSC completa 185 anos nesta terça e lança vídeo comemorativo

4 de maio de 2020 Off Por Redação

Nesta terça-feira, 5, será apresentado oficialmente o vídeo institucional da campanha PMSC 185 Anos. Um flashback de imagens, desde o tempo em que só haviam os recursos humanos, os cavalos e as máquinas de escrever. A narrativa mostra que os cavalos e as pessoas ainda continuam, mas agora contam com um incremento diferenciado, composto por aeronaves, câmeras pessoais, drones e tablets de última geração. E a missão continua.

Uma série de teasers anteciparam o vídeo final. Ao todo, 23 pessoas foram ouvidas, por todas as regiões do Estado, para que contassem alguma história relacionada à PMSC.

Quem nunca ouviu aquela história de quartel? Lembranças, que muitas vezes ficam restritas aos muros e corredores das unidades.

Assim, o Centro de Comunicação Social (CCS), da PMSC, resolveu escolher e contar algumas dessas histórias nesta campanha, para representar as inúmeras situações vivenciadas ao longo da história e valorizar seu bem maior: seus profissionais.

Lembranças e histórias que, em sua grande maioria, encerram com final feliz. Todas sem script. Histórias pessoais que compõem o acervo de histórias da instituição. Fatos reais, de personagens reais. Fragmentos de toda uma história, que teve começo, mas não tem fim.

Os vídeos abrangem depoimentos de policiais militares e de pessoas atendidas pela PM. Foram dois meses coletando depoimentos, que vêm sendo publicados, diariamente, nos últimos dias, nas principais plataformas sociais (Instagram, Facebook e Twitter) até esta terça, aniversário da instituição.

Enfim, o mote da campanha deste ano reforça o período histórico de quase dois séculos protegendo o cidadão e a importância das pessoas que fazem acontecer, os policiais, que mesmo com o advento dos recursos tecnológicos, e com os riscos que correm, não perdem a essência da sua missão, que estar todos os dias presentes e protegendo as pessoas.

Resumindo, uma coisa é certa: todos, dos soldados mais modernos ao comandante-geral da instituição, sem exceção, têm “uma história pra contar…”

Conheça nossa história

Cento e oitenta e cinco anos se passaram e a Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) segue firme na sua missão. Briosa, respeitada, confiável e moderna, e também cada vez mais engajada, cumprindo suas mais diversas atribuições no âmbito da segurança pública em Santa Catarina.

Criada por Feliciano Nunes Pires, então presidente da Província de Santa Catarina, por meio da Lei Provincial Nº 12, de 5 de Maio de 1835, a “Força Policial”, substituiu os ineficazes Corpos de Guardas Municipais Voluntários, que tinham como missão manter a ordem e a tranquilidade pública, além de atender as eventuais requisições de autoridades judiciárias e policiais.

Além disso, se fez presente no período Imperial e atuou em conjunto com o Exército Brasileiro (EB) em diversas ocasiões, tanto repelindo agressões externas, como também contribuindo em muito para a definição e defesa dos limites territoriais tanto do Brasil quanto do Estado de Santa Catarina.

Em 1916, a Força Policial recebeu a denominação de Força Pública e, em 1917, passou a ser considerada, através de acordo firmado entre União e Estado, força reserva do Exército de 1ª Linha.

Já em 10 de janeiro de 1934, em novo acordo entre União e Estado ela acabou sendo elevada à categoria de força auxiliar do Exército Brasileiro. Neste mesmo ano, a Constituição Federal também passou a considerar automaticamente todas as forças públicas como sendo auxiliares do Exército, conferindo-lhes assim, status constitucional.

Em 1946, a Constituição Federal alterou, mais uma vez, sua denominação para Polícia Militar, descrevendo como sua principal missão a segurança interna e a manutenção da ordem.

No ano de 1967, a Constituição Federal previu que a União passaria a controlar também o efetivo das PMs, criando assim, a Inspetoria Geral das Polícias Militares (IGPM), momento em que a PM teve de voltar-se exclusivamente às atividades policiais.

Já em 1988, a Constituição Federal previu como missão da PM, em seu artigo 144, a sua missão de garantir a segurança pública, que é dever do Estado, e direito e responsabilidade de todos, por meio de ações que visem a preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio.

Enfim, o tempo passou e a instituição evolui ano após ano, cada vez mais presente na vida dos catarinenses. Pautada na técnica e na inovação, o que vimos, hoje em dia, é uma PMSC literalmente conectada com suas causas e com seus desafios.

Por meio de suas ferramentas de gestão e recursos tecnológicos, a instituição se aperfeiçoa cada vez mais e procura ir de encontro aos anseios de suas atribuições conferidas.

Resumindo: uma instituição presente, comprometida, conectada, confiável e que dispensa maiores apresentações.

Marcelo Passamai – Comunicação PMSC
Polícia Militar de Santa Catarina