Semed disponibiliza conteúdos supervisionados aos alunos

Semed disponibiliza conteúdos supervisionados aos alunos

24 de março de 2020 Off Por Redação

Neste momento de quarentena, pensando em manter os alunos em movimento através da aprendizagem, a Secretaria Municipal de Educação de Timbó disponibilizou às famílias conteúdos para que as crianças tenham informação e educação, que são supervisionados por pessoas que entendem do assunto.

A proposta funciona da seguinte forma: os professores, de cada turma, criam atividades para disponibilizar no Sistema Betha de Gestão Acadêmica (que é web e pode ser acessado pelo computador), aos quais os pais têm acesso. Após esse conteúdo ser disponibilizado, o pai e a mãe podem resgata-lo para fazer as tarefas junto dos filhos, em casa.

Para garantir que todos tenham acesso aos conteúdos, os diretores e as diretoras de cada escola estão fazendo um material impresso, que será levado por eles até nas casas e entregues às famílias que não tenham acesso à internet.

“Nos próximos dias estaremos nos reunindo, mesmo que remotamente, com o Comed (Conselho Municipal de Educação) para regulamentar, através de resolução, nosso modelo de ensino à distância, que já está dando muito certo, algo que nos deixa muito felizes”, esclarece Alfroh. Até o momento, essas atividades não contam como horas trabalhadas para os professores ou como dias letivos para os alunos.

Um exemplo de como iniciativas assim já estão fazendo a diferença está na foto em anexo, onde podemos ver a professora Ana Paula Bogochewski Kalinowski, que leciona na Escola São Roque. Ela montou um estúdio muito lúdico em sua casa, onde grava vídeos didáticos, que são encaminhados aos alunos e pais.

O objetivo é alcançar o máximo de alunos possível através dessas propostas pedagógicas. Os primeiros 15 dias dos alunos em casa são considerados como recesso, mas, existe a possibilidade de que esse tempo em casa seja maior. “Não queremos que nossos alunos percam conteúdo e, para isso, contamos muito com a parceria dos pais”, comenta o secretário.

Os pais que tiverem alguma dúvida com relação às propostas do ensino à distância podem estar conversando com os gestores das escolas de seus filhos pelos meios usuais de comunicação escolar.


Assessora: Aline Brehmer
Imagem: Divulgação