Venda online de vinhos registra aumento durante a pandemia do novo Coronavírus

Venda online de vinhos registra aumento durante a pandemia do novo Coronavírus

18 de maio de 2020 Off Por Redação

Os consumidores em isolamento social têm apostado nos pedidos via delivery e e-commerce, causando um aumento de 800% na demanda da venda na internet.

Em meio à pandemia de Coronavírus, o isolamento social está promovendo novos hábitos nos consumidores, como o aumento do consumo de vinhos em casa. A pesquisa divulgada pela Forbes, mostrou que o consumo deste tipo de bebida entre os norte-americanos aumentou 66% em março. No Brasil, de acordo com a pesquisa da Compre e Confie, a categoria de alimentos e bebidas, que inclui o vinho, foi a principal causa do crescimento do e-commerce em abril, com um crescimento de 294% em relação ao mesmo período no último ano. Além disso, a mudança de hábito dos consumidores fez com o número de vendas online via delivery e e-commerce crescesse durante a quarentena, registrando um aumento de 800% na demanda da venda na internet de bebidas alcoólicas.

É o caso da importadora de vinhos Decanter, que, apesar da brusca queda nas venda nas lojas físicas e, principalmente, nas transações comerciais entre empresas, como bares e restaurantes, teve no comércio online um aumento de quase 100% em abril. Para a diretora de Marketing da Decanter, Heloisa Hermann Dallacorte, o vinho se tornou a bebida preferida durante a quarentena. “Com bares e restaurantes fechados, os consumidores passaram a apreciar o vinho no confinamento do lar, seja para relaxar depois de um dia cansativo, para um happy hour com os amigos por chamadas de vídeo ou para assistir o seu filme ou série preferida”, explica.

No entanto, mesmo com um crescimento nas vendas online, o resultado final nos negócios não é positivo. “ O resultado deste período de distanciamento social foi fortemente impactado. Além da redução de volumes, houve também queda no ticket médio por garrafa”, destaca Heloisa. “O que imaginamos que possa acontecer como consequência positiva para um futuro próximo, é um aumento no hábito do consumo de vinhos, que acabou, sim, sendo evidenciado nesse período”, completa a diretora de Marketing.

Decanter

Uma das maiores e mais destacadas importadoras de vinhos do Brasil, a Decanter foi eleita a Importadora do Ano, na edição anual de vinhos da revista Gula. Fundada em Blumenau, em 1997, conta com mais de 50 distribuidores por todo o país, além da rede de Enotecas Decanter. Seriedade, respeito ao cliente e uma política de preços convidativos têm sido alguns dos suportes desse crescimento. No entanto, é a esmerada seleção de vinhos que dá corpo à empresa.


Bruna Gabriela Ziekuhr
Presse Comunicação