Vigilância Epidemiológica de Timbó

Vigilância Epidemiológica de Timbó

18 de março de 2020 Off Por Redação

 

 

A porta de entrada para quem suspeita estar com COVID-19 são as Unidades de Saúde, que devem seguir as orientações da Vigilância Epidemiológica e demais órgãos de saúde, em especial no que tange ao protocolo a ser seguido no caso de pacientes que apresentarem os sintomas.

As equipes estarão trabalhando em regime de sobreaviso na Policlínica, inclusive aos fins de semana, para atendimento de casos suspeitos, conforme a escala definida pela Secretaria de Saúde e Assistência Social.

Em caso de suspeita, você deve ligar no número 3380-7200, ramal 7. Os horários para fazer a ligação e esclarecer dúvidas pertinentes ao COVID-19 são das 8h às 17h nos dias de semana, e das 8h às 18h aos fins de semana e feriados.

A melhor forma de conter o coronavírus é a prevenção.

Caso o paciente apresente os sintomas da doença, como febre, tosse, falta de ar, dores musculares e de cabeça, deve procurar atendimento em uma unidade básica de saúde. Lá os agentes de saúde farão o devido encaminhamento, se necessário, e darão as orientações em relação ao tratamento.

Higiene respiratória

– Lavar as mãos com água e sabonete líquido com frequência, ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento, ou tocar na boca, nariz ou olhos;- Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
– Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
– Evitar tocar o rosto com as mãos;
– Evitar aglomerações e ambientes fechados;
– Caso esteja doente, evite qualquer contato físico com outra pessoa;
– Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
– Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
– Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis e após higienizar as mãos).

 

Foto: Divulgação / OMS