A evolução da APAN/Eleva/Blumenau no confronto contra o Taubaté

A evolução da APAN/Eleva/Blumenau no confronto contra o Taubaté

12 de novembro de 2020 Off Por Redação

 

 

Time surpreendeu ao vencer o primeiro set e dificultar o trabalho dos atuais campeões

Apesar da derrota de 3 a 1 (parciais de 23/25, 25/18, 25/17 e 25/16), jogando em casa, contra o EMS/Taubaté/Funvic, atual campeão da Superliga Banco do Brasil, o técnico André Donegá gostou da evolução do time, se comparado ao jogo de estreia. Mesmo com o resultado adverso da última quarta-feira, a APAN/Eleva/Blumenau se manteve na sétima colocação da competição, somando um ponto nos dois compromissos já cumpridos.

Numa comparação com a estreia, a APAN/Eleva/Blumenau teve uma postura muito mais agressiva, melhorando nos fundamentos de ataque e bloqueio, na análise do técnico André Donegá. Ele destacou ainda a regularidade no saque, em pelo menos dois sets. “Houve um crescimento importante e é preciso seguir trabalhando para evoluir e imprimir um ritmo ainda mais forte nos próximos jogos”, assinalou.

No primeiro set, o time blumenauense surpreendeu o atual campeão da Superliga Banco do Brasil, com qualidade no sistema de recepção e ataque, A partir do segundo set, com dificuldades na recepção, jogou com bolas mais altas, favorecendo o jogo de Taubaté, time com cinco atletas da Seleção Brasileira em quadra.

Dois jogos fora de casa

Os dois próximos compromissos da APAN/Eleva/Blumenau serão fora de casa. No domingo, o time encara o Vedacit/Vôlei/Guarulhos, mais um estreante na Superliga Banco do Brasil, pela quarta rodada do primeiro turno da fase de classificação. Será às 21h30, com transmissão pelo Canal Vôlei Brasil.

O time permanecerá em São Paulo. Na quarta-feira, dia 18, faz o jogo atrasado da primeira rodada, contra o Vôlei Um Itapetininga, no interior paulista. Será às 17 horas, igualmente transmitido pelo Canal Vôlei Brasil.

Serão jogos contra adversários diretos e considerados dificílimos por Donegá. “Precisamos sair do São Paulo com pelo dois a quatro pontos, em partidas que serão decididas nos detalhes de cada set”, projeta.

Donegá ainda não sabe se poderá contar com os atletas Ialisson, Pato e o levantador Vitor Gelli.

Acompanhe nossas Redes Sociais

FANPAGE: facebook.com/APANVolei

INSTAGRAM: @ApanBlumenau

 

Texto: Giovani Vitória
Assessor de Imprensa da APAN Vôlei Blumenau

 

Foto: Raphael Guilherme Moser
Assessoria de Imprensa da APAN |

Informe Comunicação