Timbó segue com campanha contra Influenza e tem baixo percentual de vacinados de crianças do grupo prioritário

Timbó segue com campanha contra Influenza e tem baixo percentual de vacinados de crianças do grupo prioritário

27 de abril de 2021 Off Por Redação

 

 

Timbó iniciou sua a campanha de vacinação contra a Influenza no dia 12 de abril. Seguindo o cronograma de três etapas do Ministério da Saúde, a campanha contempla diferentes grupos prioritários. A primeira contemplou crianças entre seis meses e menores de seis anos.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica de Timbó, Michelle Tamara Zilse Stolfi, chama atenção para o grupo das crianças, que está com um percentual baixo de vacinação, ainda não atingiram 50%. “É muito importante que essas crianças estejam imunizadas, porque é um período que temos a Influenza circulando e a Influenza também é um vírus que pode levar ao adoecimento e a hospitalização. A vacina serve justamente para que se previna este tipo de caso”.

Após este primeiro grupo, as gestantes, puérperas puderam se vacinar, e agora, já começaram a receber os trabalhadores da saúde.

Próximas etapas e grupos prioritários

A próxima etapa tem início previsto para 12 de maio, imunizando os idosos acima de 60 anos e professores. A terceira e última etapa começa em 9 de junho, quando pessoas com comorbidades, alguma doença crônica e demais grupos contemplados na campanha poderão receber a vacina da Influenza.

Agendamento

Como forma de evitar aglomerações, é preciso agendar a aplicação da vacina. Para isso, é só ligar para a unidade de saúde que atende o seu bairro.

Covid-19

A orientação para quem tomou a vacina contra Covid-19 é aguardar o período de 14 dias, para então receber a da Influenza. No caso da Coronavac, é preciso esperar 14 dias após a segunda dose. Já a Astrazeneca, que tem um intervalo de 90 dias entre as duas doses, 14 dias após a primeira dose já é possível receber a contra Influenza.

 

Assessora: Raquel Piske/Ascom PMT